Ainda, um lugar

Ainda, um lugar

 

de Daniel Moreira e Rita Castro Neves

 

A exposição está presente de 6 a 31 de Março de 2018

A Casa-Museu Medeiros e Almeida está aberta de segunda a sábado das 10h às 17h  e fica na Rua da Rosa Araújo nº 41 em Lisboa

 

 

 

Ainda, um lugar é uma exposição de Daniel Moreira e Rita Castro Neves, que parte da tentativa de conhecer uma curva, de uma estrada, da paisagem alentejana. As tentativas do conhecer refazem-se em cada peça, através de aproximações e afastamentos, recorrências e descobertas, de noite e de dia, a diferentes horas, através de desenhos, vídeo e fotografias em digital, diapositivo e negativo cor, com diferentes câmaras, de diferentes formatos. Pois são vários os caminhos.

O que significa conhecer um lugar? Qual o caminho para o conseguirmos representar? Na exposição, caixas de luz, projeções, fotografias impressas e desenhos – uns sobrepostos outros não – realizam um novo percurso pelas possibilidades de um lugar, que não se consegue fixar. Este fazer e refazer – da estrada e do trabalho artístico – sublinham o carácter subjetivo da proposta, evidenciando a tessitura de um diálogo a duas vozes.

Continuando uma primeira aproximação a esta curva, com a exposição um lugar na Biblioteca da Fundação José Rodrigues no Porto, em Maio e Junho de 2017, a exposição expande um projeto que nos persegue, espalhado no tempo, como um tempo que se possa exprimir numa lonjura.

 

   

 

 

Daniel Moreira e Rita Castro Neves

Artistas portugueses que vivem e trabalham no Porto, com percursos expositivos separados, trabalham desde 2015 em colaboração. Daniel Moreira é licenciado em Arquitectura, iniciando em 2000 um percurso multidisciplinar entre a arquitectura  e as artes plásticas. Rita Castro Neves, após terminar o Curso Avançado de Fotografia do Ar.Co em Lisboa e o Master in Fine Art da Slade School of Fine Art de Londres, inicia uma atividade artística regular, de docência (atualmente na Faculdade de Belas Arte do Porto) e de curadoria (sobretudo na área da performance).

Com Laking, que realizaram em 2015 a convite do espaço artístico finlandês Oksasenkatu 11, iniciam um projeto longo a propósito da representação da paisagem, em que refletem com o desenho, a fotografia e o vídeo, de forma instalada, sobre colaboração artística, diferentes técnicas e culturas artísticas, território, escala e percurso. Mostrando na Galeria Bang Bang (Lisboa, 2016), Galeria Oitavo (Porto, 2017), Fundação José Rodrigues (Porto, 2017), na Sputenik The Window (Porto, 2017), no Museu da Imagem nos Encontros da Imagem de Braga (Braga, 2017), no Colégio das Artes (Coimbra, 2017), Galeria Bolsa de Arte (São Paulo, 2017) e no Museu Geológico em Lisboa (Lisboa, 2018). Em agosto de 2017 estiveram em residência artística na Residência Paulo Reis do Ateliê Fidalga em São Paulo, apresentando no final uma exposição individual, e em outubro de 2017 realizaram uma viagem de estudo ao Japão com a Bolsa de Estudo de Curta Duração da Fundação Oriente.

 

www.danielmoreira.net | www.ritacastoneves.com

 

Ainda, um lugar by Daniel Moreira e Rita Castro Neves, at the Casa-Museu Medeiros e Almeida

 Ainda, um lugar (Still, a place) is an exhibition by Daniel Moreira and Rita Castro Neves, that stems from the attempts to fathom a curve from a road in an Alentejo landscape. The attempts at knowing remake themselves in each piece, through close-ups and distanced shots, recurrences and discoveries, by day and by night, at different hours, through drawings, video, digital photography, slide and colour negative film, with different cameras, of different formats. For there are many paths to follow. In the exhibition, light boxes, projections, printed photos and drawings – some juxtaposed, others not – endeavour in a new path for the possibilities of a place which cannot be fixed. This mapping and remapping – of the road and the art work – enhance the subjective character of the proposal, revealing the fabric of a two-voiced dialogue. Continuing a first presentation of this project, with the exhibition um lugar (a place) held at the Fundação José Rodrigues’ library in Porto, in May and June 2017, the present exhibition expands a project that haunts us, stretched in time, like a time that can be expressed in a distance.

 

Daniel Moreira e Rita Castro Neves

Portuguese artists with separate artistic paths, Daniel and Rita work in collaboration since 2015. Daniel Moreira has a BA in Architecture, starting in 2000 a multidisciplinary path between architecture and fine art. Rita Castro Neves, after finishing her photography training at the Lisbon’s Ar.Co School of Visual Arts and the Master in Fine Art at the Slade School of Art in London, has been exhibiting regularly, teaching (currently at the Porto Faculty of Fine Arts) and curating (mainly in the field of Performance).

With Laking, produced in 2015 following an invitation by the Finish art space Oksasenkatu 11, they started a long project on the representation of landscape, using drawing, photography and video – in installation, to think about artistic collaboration, different techniques and artistic cultures, territory, scale and journey. Showing at Galeria Bang Bang (Lisbon, 2016), Galeria Oitavo (Porto, 2017), Fundação José Rodrigues (Porto, 2017) Sputenik The Window (Porto, 2017), Museu da Imagem at the Encontros da Imagem Braga Photo Festival (Braga, 2017), Colégio das Artes (Coimbra, 2017), Galeria Bolsa de Arte (São Paulo, 2017) and the Lisbon Museu Geológico (Lisbon, 2018). In August they were at the Brazilian Ateliê Fidalga in the context of the Paulo Reis Residency (São Paulo) presenting a solo show, and in October 2017 they travelled through Japan in a study trip with a Fundação Oriente Short Term Grant.

 

 www.danielmoreira.net | www.ritacastoneves.com

 

The Casa-Museu Medeiros e Almeida is open Monday to Saturday from 10 a.m. to 5 p.m. The address is Rua da Rosa Araújo no 41, in Lisbon.

The exhibition is on from the 6th until the 31st March 2018.

Local

Sala de Exposições Temporárias

Data

06/03/2018 - 31/03/2018

Horário

2ª feira a sábado - 10h - 17h

Preço

Entrada Livre (só exposição temporária)

Categoria
Exposições Temporárias